sábado, 6 de dezembro de 2008

Eu odeio minhas vizinhas

Sim é com 0 pensamento expresso no título acima que inicio esse post queridos leitores do P.N.L.
Neste exato momento são 2:11 da manha e estou a cá escrevendo um post, por que?
"Acabei de chegar da balada?",  "Estava curtindo uma aventura do barulho, com uma galera muito animada?"(by Narrador da Sessão da tarde)

Não! Simplesmente para expressar meu ódio para com minhas vizinhas e claro reclamar da vida.
Primeiro começemos com algo simples: afinal de contas o que são vizinhos? seus amigo? semi-parentes? pessoas de confiança e com quem você tem de ter uma relação próxima?

Não claro que nao! Vizinhos são iguais aquela senhora, o proletario ou o estudante que pegam o mesmo onibus que voce. Ou seja, são pessoas que tiveram a sorte ou o azar de estar na sua frente ou do seu lado. E portanto deveriam ter tanta importancia na sua vida quanto o ciclo de reprodução dos pinguins azuis afro-asiaticos.

Porém recentemente fui agraciado/cagado com a chegada de "novos vizinhos" na casa ao lado. Coisa essa que sempre me causou muita preocupação por dois motivos: primeiro pelo fato da casa do lado ser amaldiçoada e segundo pelo fato da mesma ser amaldiçoada, nunca, NUNCA MESMO, morou gente normal nela.
Tivemos como vizinhos nesta casa desde um casal barraqueiro, um garageiro(que suspeitavamos de ser um traficante) e um salão de beleza (ou seja um antro de barulho e cheiros estranhos), até chegar claro, as pragas do Goias -como eu carinhosamente resolvi chama-las a partir de hoje.

Um grupo de tres meninas (ou ogras se voce visse a composição fisica das mesmas) se mudou para cá. Vieram de uma cidade pequena para estudar numa das muitas "faculdades" particulares da região, ok sem problema né? Mais uma vez ERRADO!
Aprenda o seguinte:
  • Mulher reunida sempre dá merda.
  • Mulheres jovens com os hormonios a flor da pele  reunidas dá muita merda. 
  • Mulheres jovens, de cidade pequena na cidade grande dá mais merda ainda.
  • Mulheres jovens, de cidade pequena na cidade grande, com uma casa só pra elas dá um caminhao de merda direcionado para um ventilador do tamanho de uma turbina.
  • E claro se voce pega esse grupo de mulheres jovens reunidas, vindas de uma cidade pequena na cidade grande, com uma casa só pra elas e une com Jovens vilenos, excitados e alcoolizados, logo ao lado da minha casa, dá uma dor de cabeça dos diabos para este que vos escreve!
Então encerro este post com um desejo de que um asteroid composto por laminas enferrujadas e urina de gato caia na casa ao lado, provocando uma morte lenta e dolorosa a todos que ali se encontram. 
Morram grato seu amigavel vizinho...

10 comentários:

Coconut Candy disse...

Mulher junto dá sempre merda?? Ham...

. disse...

perai!!!
Até gostava de vc até esse post!!
Desde qdo mulher junto soh da merda?? E homem nao, né?!
Acho q alcoolizados juntos sempre da merda..
(brava, muito brava...)

Lucas disse...

eu q devia estar bravo....
serio, ai credo.. acho q nem vizinha e toca los hermanos todo dia ( alguem ai encima vai se identificar) é tao ruim....
ai q nojo delas ( serio)

Coconut Candy disse...

Victor, melhora a frase e põe "Biscatinhas juntas dá merda." Subespécies da raça humana não se chamam MULHER. Estude melhor zoologia, rapazinho! Jaa matane!

Emilliano Freitas disse...

Ahhhh vizinhos que fazem festa são muito bons! melhores ainda três goianas victor!
Aproveita e vai lá cantar um sertanejo, queimar uma carne e beber uma cristal quente com elas! quem sabe não rende algo melhor que uma noite sem dormir!

Paulo disse...

Mulher+Goias=biscate... nao errou nao Victor

Lucy! disse...

HAuahuHAUHA! Falei! A gente tem que ir pro México!

Lana disse...

por indicação do lucas, entrei p ver seu blog...coisa e tal...
mas me deparo com um insulto às mulheres...absurdo!!!!
pelo q lucas diz, aquelo não são mulheres!!! vc está trocando as bolas!!!
mas como imagino (e entendo) q elas devem enlouquecer todos vcs, eu perdoo!!! mesmo pq tenho vizinhos muito loucos e sei como é!!!
PS.: não escuta o emilliano não, a dor de cabeça pode ser ainda maior!!! pq esse tipinho se acomoda rápido!!! imagine elas todo dia pedindo acúcar na sua casa!!!auhauhauha

paulinha tavares disse...

vizinho é um saco.
vizinho que acha que só mora ele na rua é um saco maior ainda.

vamos juntar nossos vizinhos e fazer uma sopa.

Anônimo disse...

Ahuahuahuhau, muito bom esse post.
É realmente vizinho é uma m., eu passo por dificuldades aqui também, uma cidade pequena, onde as pessoas se preocupam mais com a vida dos outros do que as suas próprias, e para ajudar sou advogado e faço os meus horários, de acordo com os meus compromissos, até porque tenho computador em casa, e posso trabalhar aqui mais tranquilamente, sem tanta interrupção. Isto até um vizinho cego, isso mesmo: cego, que era pedreiro e perdeu a visão, quando caiu parece que cal nos olhos, pois bem, o dito vizinho, como não tem nada para fazer, vive cuidando com os ouvidos é claro, o horário que durmo (tenho insônia), que acordo, como se tivesse algum direito disso. E como sempre foi encrequeiro, isso a própria família dele disse, criou birra comigo (guerra fria), pois fica sempre de manhã bem cedo, não importa se for feriado, fim de semana ou outro dia, fica arrastando ferramenta, ao lado de minha janela, porque a casa é muito próxima à sua, batendo, tudo que for possível, simulando uma obra, até assoviando (detesto), um insuportável!!!
Agora me diga, sou pacífico, não procuro briga com ninguém, e o que lhe dá o direito de achar que pode controlar a minha vida???
Cidade pequena do Interior fede!!!